Eleições e a porca – histórias do Piauí (ou no Piauí)

Aqui no Piauí, é senso comum o significado da expressão “a porca comeu” como o destino de todos os candidatos que não conseguiram ser escolhidos no sufrágio popular eleitoral. Ou seja, a porca come quem perde eleição!

Os candidatos quando querem provocar seus adversários citam a porca, especialmente se o adversário já passou pelo bucho da bicha antes. Aí é aquela história de que a porca vai comer de novo.

Tudo isto teve início, segundo alguns contam, no município de Campo Maior, na década de 1950 ou 1960. Ali, um candidato já havia preparado uma urna cheia de votos para lhe favorecer. O dito cujo escondeu a urna numa moita, mas na hora de pegá-la para substituir a verdadeira urna, verificou que uma porca enorme tinha estraçalhado a urna e os seus votos. O candidato perdeu a eleição. Os populares tomaram conhecimento da história. E desde então a porca tem comido muitos candidatos em todo o Piauí. Aqui, ao menos, a porca é famosa.

VÍDEO PRODUZIDO POR GRADUANDOS DO CURSO DE JORNALISMO DA UFPI. AQUI.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s