Arquivo da categoria: eleições

Em Campo Maior, palhaço Piteko pode ser o único candidado a prefeito

Com prazo final para registro de candidatura, em Campo Maior (PI), nenhum pedido de candidatos, a exceção do PALHAÇO PITECO.

Agora os candidatos terão 48h para apresentar o registro de suas candidaturas individualmente e não mais pela coligação.

Mas mesmo não cumprindo o prazo oficial, o representante do Ministério Público esclareceu que os candidatos ainda podem concorrer aos cargos de prefeitos e vereadores nestes municípios.

De acordo com o artigo 23 da Lei 23.373, da resolução do Tribunal Superior Eleitoral, os candidatos podem realizar individualmente seus registros num prazo de 48 horas.

Confira abaixo a Resolução TSE:

Art. 23. Na hipótese de o partido político ou a coligação não requerer o registro de seus candidatos, estes poderão fazê-lo, individualmente, no prazo máximo de 48 horas seguintes à publicação da lista dos candidatos pelo Juízo Eleitoral competente para receber e processar os pedidos de registro, apresentando o formulário Requerimento de Registro de Candidatura Individual (RRCI), na forma prevista no artigo anterior, com as informações e documentos previstos nos arts. 24 e 25 desta resolução (Lei nº 9.504/97, art. 11, § 4º).

Lanche do Burgues, marchinha para carnaval de Belô

http://www.kadoo.com/en/download/16664463-03c

Agora, precisamos mesmo é de uma marchinha para a CPI da PRIVATARIA TUCANA.

Alguém aí, por favor. Faça esta marchinha.

http://www.otempo.com.br/otempo/noticias/?IdNoticia=194290,OTE

Não sei se é ladrão,

Pervertido ou pederasta

Tem gente metendo a mão

Na coxinha da madrasta (bis)

Milhares de reais por mês

Pro lanchindo do burguês.

O nosso dinheiro ele gasta

Na cozinha da madrasta

Tira a mão, tira a mão

É hora de dar um basta

A grana da população foi parar na cozinha da madrasta

Agora BH já tem Édipo e Jocasta

Burguês pôs o seu cigarrete na coxinha da madrasta

Milhares de reais por mês pro lanchinho do burguês.

O nosso dinheiro ele gasta na cozinha da madrasta

Tira a mão tira a mão

É a hora de dar um basta

A grana da população foi parar na cozinha da madrasta.

Jeito tucano de governar

Senadores com mandato até 2014

Mulher no congresso

 

Quando o PIG começa a analisar(-se)

FIZ ESTA POSTAGEM em novembro de 2010, agora vejo que não estava errado em detectar este movimento. No Blog da Cidadania, Edu detecta o fenômeno.

Para ler o artigo de Paulo Moreira Leite acesse:

http://colunas.epoca.globo.com/paulomoreiraleite/2010/11/03/2014-e-o-fantasma-necessario-da-oposicao/

TRECHOS:

Dilma sempre viveu em gabinetes, fez projetos, dirigiu equipes e definiu prioridades. Tem  capacidade para discutir idéias, cultivou o hábito de fazer discussões acaloradas e gosta de testar argumentos.”

“O que quero dizer é que ela tem mais preparo para governar do que para ganhar votos. Está mais à vontade nessas tarefas.”

“O problema da visão sobre 2014 é que ela representa a continuidade do mesmo erro que a oposição cometeu em 2010, numa campanha onde acabou derrotada por 12 mihões de votos.”

“Num esforço para diminuir a candidatura de Dilma, minimizar eventuais competências e a experiência acumulada por quem passou oito anos como ministra, a oposição insistiu em tratá-la como um simples ventríloquo do presidente, incapaz de formular respostas políticas nem oferecer explicações técnicas com  conhecimento de causa.”

Enfim, vale a pena ler esta análise, que se fosse a regra das análises durante a eleição, teríamos tido a oportunidade de aprofundar questões, pois notar-se-ia a inutilidade de uma oposição burra e a necessidade de uma oposição inteligente.

Não, o Brasil não pode ser pintado de vermelho ou azul, como quer o PIG

Augusto Nunes aposta na estupidez dos leitores da Veja ao redigir o que redigiu no Direto ao Ponto em 01/11/2010 às 22:25. Não se salva nada! É impressionante”

Inicia propondo um mapa que separa o Brasil de Serra e o Brasil de Dilma. Nada mais tosco. Exatamente porque pelo menos 19 Estados não podem ser pintados nem de azul nem de vermelho – RS, SC, PR, SP, ES, MS, MT, GO, DF, AP, PA, RO, TO, AL, PB, RN e SE. Se alguns Estados podem ser pintados de azul são AC e RR, e se alguns podem ser pintados de vermelho, são AM, BA, CE, MA, PE e PI. Assim, não seria sul e sudeste versus nordeste, e sim Norte versus Nordeste, o que é um absurdo total. Ninguém concordaria com uma análise destas.

A verdade é que o Brasil não está dividido. Em todos os Estados brasileiros observamos apoio às diversas visões políticas. O Brasil continua complexo.

Continua o PIGuista, afirmando que Lula abandonou o cargo de presidente para ser cabo eleitoral. Poxa, imagine um País abandonado de fevereiro até outubro, e mesmo assim a candidata do presidente Lula ser eleita. A única explicação para isto seria uma oposição totalmente incompetente. Como não é totalmente incompetente, o absurdo está na afirmação.

Depois afirma que “Mas o Lula que vai deixando o governo é ainda menor do que o que entrou. E não foi pouco o que perdeu.” Assim, do nada! Faz no parágrafo seguinte uma tentativa de explicação especulando que se Lula realmente era tão grande quanto se afirmava, o máximo que a oposição alcançaria seria 5% dos votos, e como alcançou aproximadamente 45%, então Lula não era tão grande. É com este tipo de argumentação que Augusto Nunes trata seus leitores? se for, desculpem-me. Não falo mais nada! Pois é o tipo de falácia mais banal.

Prossegue, com: “Dilma venceu na metade superior do mapa (veja ilustração acima). Foi derrotada na outra — e perdeu feio nas regiões especialmente desenvolvidas.”. Ou seja, alimenta velhos preconceitos e atenta contra a inteligência novamente, afinal a vitória nos ditos Estados desenvolvidos da região Sul e Sudeste (sem falar que Dilma foi vitoriosa no RJ e em MG) não foi assim uma vitória expressiva. Está mais para empate técnico.

Bem, para quem quiser conferir o texto PIGuista, acesse:

http://veja.abril.com.br/blog/augusto-nunes/direto-ao-ponto/para-sepultar-o-sonho-presidencial-de-serra-lula-ressuscitou-a-oposicao/