Relatório médico confirma FARSA do laudo da UNB em novembro de 2013

 

 

O Dr. Geniberto Paiva Campos foi sutil. Digamos, delicado. Apenas apontou que: “embora o paciente não possa ser enquadrado nos critérios atuais de cardiopatia grave, devem ser consideradas (dissecção aguda da aorta), descrita como evento catastrófico de alta mortalidade na fase aguda (Braunwald, 2013) e de prognóstico reservado. Sua associação a diversas intercorrências clínicas, no presente caso, tornam o prognóstico mais reservado, a saber: a aterosclerose coronariana, o acidente vascular cerebral, que obrigou ao uso continuado de anti-coagulantes orais, e a síndrome depressiva, deflagrada em paciente idoso, configurando uma condição de alto risco cardiovascular“.

Eu não tenho estas amarras pois não sou médico, sou apenas um blogueiro, coincidentemente cirurgião-dentista e Doutor em Patologia (UFMG), professor de anatomia da UFMA. E publiquei em novembro de 2013 o que seria a FARSA da JUNTA MÉDICA DA UNB…. eu sinto vergonha alheia por eles…. tá tudo descrito em postagem linkada a seguir.

https://partidodaimprensagolpista.wordpress.com/2013/11/29/laudo-medico-da-unb-uma-farsa/

e

https://partidodaimprensagolpista.wordpress.com/2013/11/26/porque-considero-uma-temeridade-o-laudo-pericial-da-junta-medica-da-unb-ou-eles-lavaram-as-maos/

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s