É desesperador ter de gritar isso tantas vezes.

PRIMEIRO DE TUDO:
Este artigo foi originalmente publicado no FACEBOOK DE RAFAEL PATTO, e depois no blog da Aninha.
DESTA FORMA, se preferir, clique nos nomes acima e leia no local ORIGINAL.
O autor deste blog comunga esta visão da mesma forma que RAFAEL PATTO, e repercute aqui seu texto.
.
A verdadeira história do mensalão( vulgo mentirão)  descrita brilhantemente

Coisas muito curiosas acontecem nesse Brasil, sobretudo nos meandros da “justiça”… Certa vez, um presidente da república COMPROU votos de parlamentares para aprovar uma Emenda Constitucional que instituía a faculdade da reeleição no processo eleitoral brasileiro. Um ocupante de cargo eletivo no Poder Executivo em qualquer ente da Federação – Municípios, Estados ou União – passaria então a poder, no exercício do mandato, disputar uma reeleição e, se vitorioso, ser reconduzido ao cargo para um segundo mandato consecutivo.

Há PROVAS e CONFISSÕES de pagamento e recebimento de propinas. O Congresso Nacional foi inundado por cheques que, após a confirmação da aprovação da Emenda, foram resgatados em benefício dos parlamentares que votaram de acordo com o interesse do governo tucano. Mas nada disso ganhou nenhum desdobramento, nem midiático, nem judiciário. Ficou o dito pelo não dito. As provas foram devidamente deixadas de lado. As confissões foram abafadas e vida que segue…

Eis que esse mesmo FHC, que já não passa de um mentecapto agonizante, andou dizendo numa de suas “colunas” que o “mensalão” do psdb foi diferente do PT porque o PT se valeu da “sistemática compra de votos de parlamentares para aprovar projetos de interesse do governo”. Valha-me nossa senhora, mãe de Jesus de Nazaré!!! Como é possível tamanho cinismo? Como que uma das pessoas mais sujas desse país se sente tão à vontade para falar uma coisa dessas, com aquele inconfundível sorrizinho de canto de boca ainda por cima???

Vamos por partes. De “mensalão” pra “mensalão”, o tucano ou o petista foram a mesmíssima merda: arrecadação de campanha não declarada à Justiça Eleitoral, o vulgo “caixa-2”. Prática ilegal, mas que, infelizmente, TODOS os partidos que disputam o poder no Brasil praticam. Esse não é um problema puntual (SIC): é sistêmico. Não tem como disputar eleição no Brasil hoje sem recorrer a esse expediente. Se não o fizer, não tem a menor chance de vencer. E se essas coisas ditas assim ferem demais a sua sensibilidade, você tem duas opções: encarar a realidade ou cortar os pulsos. A escolha é livre.

Continuando o raciocínio e encarando a realidade, a gente tem a seguinte situação: desde a Proclamação da República até 2002, passaram-se 113 anos, dos quais pode-se dizer que os setores oligárquicos desse país estiveram por mais ou menos 90 anos com o controle do poder. O que, somados aos demais 389 anos do período Colônia/Império, representa quase que um domínio absoluto, contínuo e completo desse setor minoritário sobre todo o conjunto da sociedade brasileira em cinco séculos. Quando o psdb praticou caixa-2, ele o fez para dar continuidade a esse domínio. O caixa-2 do psdb foi em nome da manutenção do status quo, da manutenção do controle do poder pela minoria. O caixa-2 do PT foi a única alternativa que um partido organizado, de sólidas bases populares, encontrou para romper com essa sequência multissecular de dominação oligárquica e inaugurar um governo efetivamente democrático-popular. Os vícios institucionais do nosso país – cujas instituições foram “educadas” para funcionar de maneira torta – não deixaram qualquer margem para que se fizesse diferente disso. O PT se viu obrigado a “sujar as mãos”, jogando esse jogo inventado pela oligarquia, como única forma de, uma vez “infiltrado”, reformar de dentro para fora essa estrutura viciada. Se não tivesse compreendido isso, o PT teria se condenado a disputar eleições eternamente como mero figurante. Não teria “sujado as mãos”, mas também não teria vencido nunca. Não teria mudado a vida de mais de 40 milhões de brasileiros (uma Espanha inteira dentro do Brasil ascendeu socialmente graças às políticas de governo do PT).

Resumindo: o “caixa-2” do psdb foi em nome da manutenção do poder nas mãos da elite. O “caixa-2” do PT foi o último esforço em nome da destituição dessa elite do poder para a ascensão da classe trabalhadora. Isso descaracteriza o crime eleitoral que foi praticado? NÃO!!! Absolutamente não!!! Mas as razões de fundo que perpassam essas disputas entre agremiações partidárias são incomparavelmente diferentes. Não se trata simplesmente de disputar o poder pelo poder. A questão é: o que se quer com o poder? Acirrar desigualdades? Manter privilégios? Ou democratizar o Estado, promover inclusão social e alavancar o desenvolvimento nacional?

Sim, o “caixa-2” foi o recurso de que o PT teve de lançar mão, a contragosto, para vencer uma disputa presidencial não para “assumir o poder”, mas para a partir daí iniciar uma agenda de reforma social cujas pautas correspondem às lutas históricas de setores da esquerda nacional e de movimentos sociais diversos. Esse foi o preço moral. E, se você não cortou os pulsos antes, mas resolveu querer fazê-lo agora, esteja à vontade.

Para os que preferem encarar a realidade para “trans-formá-la” a luta continua. “Vamos de mãos dadas”…

Da mesma forma que FHC diz hoje que o “mensalão do psdb foi SÓ caixa-2”, Delúbio Soares, em 2005, quando era tesoureiro do PT, também admitiu não ter apresentado na contabilidade oficial do partido algumas doações de campanha. Ou seja: Delúbio fez o mesmo que FHC faz agora: admitir o “caixa-2”. A diferença está no tratamento que a imprensa e a “justiça” dão a esses dois fatos que, a rigor, são idênticos em suas naturezas, o que em todo caso nem de longe igualaria o PT ao psdb porque, como temos dito, é o objetivo final que marca essa diferença entre essas duas siglas que, antes de qualquer coisa, representam dois sentimentos de mundo completamente diversos um do outro. E é exatamente isso que está na origem da diferença de tratamento que imprensa e “justiça” dão ao”caixa-2” do PT e ao “caixa-2” do psdb. Porque a imprensa e a “justiça” foram criadas dentro daquela lógica viciada que o PT, desde o início se dispôs a combater, ainda que tenha se visto obrigado a provar de seu gosto amargo. Imprensa e “justiça” sabem que o “caixa-2” do psdb foi praticado para fortalecê-las, e sabem também que o “caixa-2” do PT foi praticado para combatê-las. Daí, elas – imprensa e “justiça” encobrem o “caixa-2 amigo” do psdb e escandalizam o “caixa-2” do PT, que foi, antes de tudo, uma grande ameaça a essa hegemonia oligárquica, pois demonstrou que o PT se valeu da arma do inimigo para derrotá-lo…

Se a imprensa e a “justiça” brasileira fossem isentas, tucanos e petistas receberiam o mesmo tratamento e, nesse caso, os responsáveis pelos “caixas-2” dum partido e doutro seriam responsabilizados de acordo com os termos da lei. Mas não é isso o que ocorre. FHC confessa ter praticado caixa-2 e nada, absolutamente nada acontece com ele. Delúbio confessou ter praticado caixa-2 e foi condenado. Mas foi condenado não por esse ilícito eleitoral, e sim por “formação de quadrilha” e “corrupção ativa”. Meu senhor do bom jesus da cana verde!!! Como pode??? Não há qualquer prova ou indício sequer que ligue o dinheiro arrecadado que não foi declarado (o “caixa-2”) a qualquer prática de compra de votos de parlamentares!!! Não há!!! Simplesmente não há!!! É desesperador ter de gritar isso tantas vezes. O dinheiro não declarado acabou sendo usado para saudar compromissos de campanha do PT e partidos coligados. Afinal, campanhas eleitorais nesse país são caríssimas e é exatamente isso que faz a alegria dos “doadores” que depois deitam e rolam com os agradinhos que recebem dos eleitos. Mas pergunta para o psdb se ele apóia o financiamento público que o PT defende há tanto tempo sem conseguir emplacá-lo…

O uso dos recursos não contabilizados acabou sendo demonstrado por meio de notas, recibos, comprovantes de pagamentos etc. O fluxo de caixa do PT foi devassado. A vida financeira do Partido foi escancarada. Os sigilos fiscal e bancário dos principais dirigentes petistas foram quebrados e nada que pudesse ao menos sugerir qualquer irregularidade relativa à formação de quadrilha ou corrupção foi encontrado. Ainda assim, sem qualquer prova ou indício, o partido e suas lideranças foram linchados pela imprensa e depois julgados e condenados pela “justiça”. Se Delúbio tivesse tido um julgamento justo e tivesse sido condenado pelo crime ELEITORAL que cometeu, eu faria questão de vê-lo cumprindo sua pena, qualquer que fosse. E, no caso de multa, eu não doaria nenhum centavo para ajudá-lo. Ora, ele não é nenhuma criança e sabia perfeitamente que o que estava fazendo é condenável, do ponto de vista ELEITORAL e MORAL.

Porém não foi isso que aconteceu. Delúbio não teve um julgamento justo. E, embora tenha CONFESSADO um “crime eleitoral”, acabou recebendo condenações por crimes que jamais foram cometidos. O caixa-2 do psdb, sim, irrigou farto mensalão que financiou a compra da Emenda da Reeleição, que permitiu a Fernando Henrique um segundo mandato para que ele acabasse de rifar o país com as PRIVATARIAS TUCANAS. Mas o PT não comprou voto de parlamentar nenhum. Isso é um MENTIRÃO!!! A Câmara Federal tem mais de 500 Deputados. Será possível que o PT só precisaria comprar uma dezena e meia de Deputados para aprovar seus projetos? E pior, essa dezena e meia de Deputados “comprados” compunham a base aliada!!! Essa versão é tão inverossímil que postular isso chega a ser absurdo. E os Senadores então? Nenhum foi comprado? Afinal, as denúncias e condenações recaíram apenas sobre os Deputados…

Não enxergar essas inconsistências é um exercício de má-fé inacreditável. Contra tucanos pesam PROVAS e CONFISSÕES dos crimes que cometeram. Mas são os petistas que são condenados por aquilo que não fizeram. Porque até o ilícito eleitoral que foi confessado acabou sendo intencionalmente desconsiderado pela “justiça” a fim de que o julgamento tivesse outro desdobramento e redundasse nas aberrações barboseanas que, de tantas, já formam uma montanha de barbaridades.”

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s