Qual o tempo de um tapa?

Liguei a TV Justiça para acompanhar a transmissão ao vivo no último 05 de dezembro de 2013, e após meia hora de acompanhamento, começo a testemunhar um enredo que não esperava. Não acreditaria se alguém tivesse me antecipado que aquilo ocorreria.

“Qual o tempo de um tapa?”, ministra Rosa Weber
.
O cara está a sete meses separados da mulher.
A mulher começa um novo relacionamento.
O ex-marido visita a mulher, que ao abrir a porta, começa a ser espancada.
A mulher faz exame de corpo de delito que revela a presença de hematomas nos braços e nas pernas.
Houve acusação da mulher, e testemunha da empregada doméstica.

A mulher agredida consegue chegar à cozinha e pede que a empregada ligue pedindo socorro à mãe da vítima.

A mãe da vítima chega e encontra o agressor sobre sua filha. Remove-o de cima da sua filha.
Depois a agredida volta atrás e diz que não sofreu violência.
O caso vai para o STF porque Arthur César Pereira de Lira (PP/AL) é deputado.
E o relator ministro Luiz Fux diz:
“Que que é isto?A mulher relatou que apanhou durante 40 minutos. E só teve quatro hematomas. Ela está mentindo!”
.
Notinha rápida: O presidente Ministro Joaquim Barbosa que vinha presidindo, entregou o andamento para o ministro Lewandowski e se ausentou.
.
Inquérito 3156
05 de dezembro de 2013
17:00 horas

.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s