Porque considero uma temeridade o laudo pericial da junta médica da UnB… ou eles lavaram as mãos

Os cuidados a longo prazo após uma cirurgia que sofreu Genoíno são necessários tendo em vista tratar-se de doença crônica que pode levar a complicações vasculares, inclusive dissecação da aorta, formação de aneurisma e ruptura. Todo paciente que teve uma dissecação da aorta deve receber tratamento anti-hipertensivo de longa duração. Deve também regularmente realizar exames de imagem (tomografia computadorizada ou Ressonância magnética). ISTO PORQUE 1/3 (UM TERÇO) de todos os pacientes que sobreviveram à cirurgia OU SOFREM PROGRESSÃO DA DOENÇA/RUPTURA AÓRTICA, ou REQUERERAM NOVA INTERVENÇÃO CIRÚRGICA, no intervalo de cinco anos. A mortalidade de pacientes que foram submetidos a este tipo de cirurgia chega a 16% dentro de seis (06) meses pós-cirúrgico, isto com todos os cuidados.

A recomendação é ACOMPANHAR atentamente durante 3-9 meses, e depois realizar avaliações anuais. A aorta deve ser totalmente avaliada. MUITA ATENÇÃO deve ser investida em verificar Progressão de dissecação residual, mudanças no diâmetro aórtico, evidências de rupturas, avaliação de hematomoas intramurais (parede da artéria), e verificar o comportamento das anastomoses.

Paciente, como Genoíno, deve realizar monitoramente ergométrico em intervalos regulares, e se qualquer complicação clínica surgir que leve a suspeita de estenose próximo das anastomoses coronárias, ENTÃO DEVE REALIZAR ANGIOGRAFIA CORONÁRIA IMEDIATA.

O PACIENTE DEVE SER RIGOROSAMENTE ACOMPANHADO após a cirurgia para que qualquer problema possa ser reconhecido imediatamente e tratado.

Observe que o próprio RELATÓRIO MÉDICO EMITIDO PELA JUNTA fala em EVITAR INFLUÊNCIA DE FATORES PSICOLÓGICOS ESTRESSANTES como um prerrequisito para que não hajam complicações. Ou seja, os peritos consideram isto um FATOR DESENCADEANTE.

Além disto, falam mais a frente da necessidade de CONTROLE DO NÍVEL DE COAGULAÇÃO RIGOROSO, tendo que se salvaguardar as condições adequadas e acessso adequado à informações a cerca do ajuste da dose para o paciente.

A JUNTA MÉDICA, no meu entender, TIRA O CORPO FORA, pois diz que NÃO É IMPRECINDÍVEL A PERMANÊNCIA EM DOMICÍLIO FIXA, mas coloca para registro (e possivelmente para não sofrerem um processo em caso de eventual TRAGÉDIA) que o paciente deve não sofrer estresse, e deve ser rigorosamente acompanhado. SE NÃO O FOR, lavam as mãos.

Assim entendo.

RELATORIO GENOINO 01

RELATORIO GENOINO 02

http://www.blogdacidadania.com.br/2013/11/laudo-diz-que-genoino-nao-pode-voltar-para-a-cadeia/

3 Respostas para “Porque considero uma temeridade o laudo pericial da junta médica da UnB… ou eles lavaram as mãos

  1. Muito esclarecedor seu texto. Concordo que deram uma pilatos, lavaram as mãos. No fundo criaram as condições para que Barbosa prosseguisse no seu intento persecutório em relação aos petistas.

  2. Obrigado, professora. Uma honra receber este comentário de sua parte.

  3. Pingback: Relatório médico confirma FARSA do laudo da UNB em novembro de 2013 | PIG

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s