Bolsa Família reduz gravidez na adolescência

Muito se fala que no período do Governo Lula, por conta dos programas sociais, tal como Bolsa Família, a população teria sido incentivada a ter mais filhos e até mesmo teria aumentado o número de adolescentes grávidas. Típico de um discurso preconceituoso que ignora os fatores que contribuem para o aumento da fecundidade de uma população.

No que tange especificamente à gravidez na adolescência, que se constitui em uma preocupação de saúde pública, apesar de a adolescência se estender de 12 a 19 anos, é muito mais frequente na faixa etária de 15 a 19 anos.

Mês passado foi divulgado o Atlas do Desenvolvimento Humano no Brasil 2013. É uma boa oportunidade para comparar o período de FHC e LULA. Veja que em 2000, FHC governara por seis anos, e em 2010, Lula, por oito anos. E qual o resultado disto sobre a gravidez na adolescência?

O Atlas Brasil 2013 informa que em todos os estados, exceção do Amapá, houve aumento da taxa de gravidez na adolescência entre 15 e 17 anos, durante o Governo FHC. No Brasil este aumento foi de 6,00% em 1991 para 8,49% em 2000.

Por outro lado, no período do presidente Lula as taxas voltaram a reduzir se aproximando do período de 1991, em todos os estados, sem exceção. No Brasil, a redução foi de 8,49% em 2000 para 6,94% em 2010.

gravidez na adolescência ATLAS 2013

Uma resposta para “Bolsa Família reduz gravidez na adolescência

  1. Pingback: Bolsa Família reduz gravidez na adolescência | OpenSanti

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s